O coronavírus deixou o mundo em alerta, até agora já são mais de 32 mil pessoas infectadas com a epidemia. Por isso o diagnóstico precoce se torna cada vez mais necessária.

Um equipamento da Universidade Federal da Bahia (Ufba), promete diagnosticar o coronavírus em apenas três horas.

O aparelho que se chama Real Timer, utiliza o processo RT-PCR, o mesmo que serviu para identificar o zika vírus, a cinco anos atrás.

Segundo a Universidade Federal da Bahia, o equipamento faz uma reação capaz de identificar o material genético do vírus e o diagnostico sai em no máximo, três horas.

A Secretária de Saúde d Estado da Bahia (Sesab), disse que o processo até chegar ao diagnóstico precisa ser confirmado fora do estado. As análises começam no Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), em Salvador, mas precisam ser finalizadas no Rio de Janeiro.

Com informações:A Tarde

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS