Em todo o mundo, existem pelo menos 25 tipos diferentes de raposas. No entanto, sabemos que muitos deles têm hábitos noturnos e geralmente se movem sozinhas ou em pares, esses costumes os diferenciam de outros quadrúpedes, como cães ou lobos.

As raposas são geralmente conhecidas por seu pêlo avermelhado, mas também existem prata, raposas negras e alguns cruzamentos espetaculares como esta. Apesar de rara encontrar, elas representam apenas 10% da população de raposas. Esses tipos de animais geralmente estão em cativeiro, devido à sua estranha pigmentação.

A melanina parcial na pele lhes confere essa cor característica, devido ao desenvolvimento de melanismo atípico. Isso é comum em humanos albinos que, ao contrário das raposas, têm falta de pigmentação, o oposto da melanina que escurece a pele.

A genética desta raposa transformou-a em um animal muito impressionante, acrescentando seus penetrantes olhos amarelos ou alaranjados. Esse tipo de cor dos olhos não é favorável à noite, pois geralmente são guiados pelo cheiro e pela audição.

Esta espécie é mais comum na América do Norte, onde seu habitat natural é encontrado. A velocidade alcançada por esta raposa é de 72 km por hora, suas pernas fortes a mantêm longe de predadores próximos.

O fotógrafo S.Gaby conseguiu capturar esse animal incrível na província de Terra Nova, no Canadá, enquanto a raposa passeava pelas ruas.

Sem dúvida, as fotografias deste animal são incríveis e encontrá-lo na natureza é ainda mais.

Texto originalmente publicado no Nation, livremente traduzido e adaptado pela equipe da Revista Bem Mais Mulher

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS