Foi uma das séries mais populares da década de 2000, tanto que hoje é veiculada em alguns países e conta com milhares de fãs ao redor do mundo, mesmo após sua estreia em 20 anos. E é que “Malcolm in the middle” marcou uma geração que gostava das travessuras de Francis, Reese, Malcolm e do pequeno Dewey . Além das coisas malucas de seus pais, Lois e Hal.

Em meio à pandemia, diversos atores de diversos filmes se reuniram para a alegria de seus fãs, além de terem propósitos solidários e arrecadadores de fundos, como o elenco de “Twins Game” , ou “Scott Pilgrim”, e até mesmo o de “High School Musical”, que trouxe de volta Vanessa Hudgens, Ashley Tisdale, Lucas Grabeel e Zac Efron, e outros membros do elenco original.

E o elenco de “MMalcolm in the middle” não queria ficar de fora. Aliás, no encontro eles comemoraram os 20 anos de estreia da icônica série e leram o roteiro do primeiro episódio , em um emocionante encontro via Zoom.

Claro, o encontro não foi uma surpresa, pois já havia sido anunciado por Bryan Cranston (Hal) , que até brincou com seu personagem na série.

“Aqui estamos… estamos todos presos nestes cinco meses de quarentena! Você pode imaginar como Hal teria surtado com Malcolm Middle se ele tivesse que ficar dentro de casa com seus cinco meninos com cabeça dura? Isso me faz sorrir pensando nisso. Então, se você perdeu alguma bobagem em sua vida, verifique-nos neste sábado, 8/8, para uma celebração do 20º aniversário da estreia do programa. “ -Bryan Cranston nas redes sociais.

Frankie Muniz (Malcolm)


Hitek

Christopher Masterson (Francis)


Hitek

Justin Berfield (Reese)


Hitek

Bryan Cranston (Hal)


Hitek

Jane Kaczmarek (Lois)


Hitek

Tania Raymonde (Cynthia)


Hitek

David Anthony Higgins (Craig)


Hitek

Gary Anthony Williams (Abe)


Hitek

Craig Lamar Taylor (Stevie)


Hitek

Catherine Lloyd Burns (Caroline)


Hitek

Infelizmente, o ator que interpretou Dewey, Erik Per Sullivan, não estava presente na reunião. Diz-se que ele preferiu ficar longe dos olhos do público desde o fim da popular série.

O encontro não foi público, mas foi um evento ao vivo em que se reuniram 500 pessoas , que tiveram que pagar para ter acesso. A ideia era  arrecadar fundos para a Healing California , uma organização que oferece assistência médica gratuita para aqueles que mais precisam.

Além do “ingresso”, também foi realizado um leilão de peças oficiais da série, incluindo camisetas autografadas e mochilas dos atores.

Definitivamente, uma reunião épica.

Texto originalmente publicado no UPSOCL, livremente traduzido e adaptado pela equipe da Revista Saber Viver Mais

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS