O câncer é uma doença cruel. Às vezes silencioso, tremendamente mortal e destrutivo. É uma das grandes causas de morte em todo o mundo e nem sequer temos uma cura altamente eficaz. O câncer de mama é uma das mais terríveis, mas pelo menos uma boa notícia vem do México.

Reconstrução gratuita de mama foi aprovada no México para todas as sobreviventes de câncer de mama. É uma notícia tremendamente celebrada, porque irá reparar o coração de muitas mulheres que sofreram de câncer de mama.

No momento, trata-se de um programa piloto, pois resta confirmar alguns detalhes, no entanto, o certo é a inclusão de próteses e atendimento psicológico para cada paciente.

O congresso, em Jalisco (México), aprovou a proposta como um dos serviços básicos do Ministério da Saúde do Estado, onde existe acesso gratuito à cirurgia de reconstrução mamária, em pacientes submetidas a mastectomia (retirada de mama).

As grandes notícias são esperadas por centenas de mulheres que procuram retornar a uma certa normalidade, depois de espancarem e dobrarem a doença.

Dessa forma, após a aprovação do Congresso em Jalisco, ele deve agora ir para o plenário do Congresso estadual, para logo se tornar realidade.

O câncer de mama é um dos mais mortais e foi escrito na iniciativa. Segundo dados do Ministério da Saúde de Jalisco, somente nessa cidade, em 2018, 579 mulheres morreram por esse tipo de câncer.

Dos pacientes reabilitados, apenas 30% têm acesso à reconstrução mamária e tratamento psicológico. Se este projeto for concluído, ajudaria a retornar à normalidade física, a recuperar a auto-estima e a encerrar a luta contra o câncer de mama.

É uma ótima notícia E adoramos dar boas notícias!

Texto originalmente publicado no UPSOCL, livremente traduzido e adaptado pela equipe da Revista Bem Mais Mulher

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS