Por: Revista Saber Viver Mais

Um vídeo mostra o pequeno Heitor Oliveira de 5 anos, esperando ansiosamente os amigos, ao vê-los ele pula de alegria e os chama para dar o presente.

O pequeno então entrega uma carta homenageando os coletores de lixo por manterem a cidade em que mora limpa. Ele e a família moram em Goianira, na Região Metropolitana de Goiânia.

Assista ao vídeo:

Pablina de Oliveia contou que o filho além de escrever a carta pediu para que a mãe preparasse um lanche para os coletores de lixo.  “Ele queria fazer um desenho para agradecer por eles cuidarem da cidade. Ele fez o desenho, colocou no envelope e ficou a tarde inteira esperando o caminhão. Não queria nem dormir. O lanche também foi ideia dele. Ele disse para comprar refrigerante e lanche para os amigos coletores”, conta a mãe.


Criança escreve carta e entrega para coletores de lixo em agradecimento por manterem limpa a cidade de Goianira — Foto: Arquivo Pessoal/Pablina Soares

Homenagem

A homenagem aconteceu na tarde de quinta-feira (9), a mãe conta que os profissionais pararam para pegar e carta e deixaram o menino muito feliz. “Contagiante a alegria dele. Ficou muito emocionado”, conta Pablina.

“Foi muito gratificante e estamos preparando para dar uma resposta para a carta”, escreveu o coletor de lixo Adailton Junior, de 20 anos. Ele disse que toda a equipe ficou muito emocionada com a homenagem.

Vídeo na internet

Pabline afirma que postou o vídeo do filho, mas não imaginava que teria grande repercussão. “Fiquei impressionada com o tamanho de comentários que deu. Lições assim, devemos dividir com o mundo”.

Esperando os amigos

A mãe de Heitor relata que essa rotina acontece toda terça e quinta-feira, No horário da coleta de lixo no bairro, lá está o pequeno esperanto os amigos.

“Ele é um menino muito comunicativo e gosta muito de caminhão. Ele fica esperando o caminhão coletor toda terça e quinta. Ele já fica na porta esperando. Ele chama, dá tchau, e os meninos, muito simpáticos, retribuem”, conta Pablina.

O coletor Adailton confirma que Heitor espera por eles toda a semana, e segundo ele essas atitudes como essa qie os motivam ainda mais a trabalhar neste período tão complicado de pandemia.

“Todo dia o Heitorizinho está la. É um amor muito grande. Isso é o que motiva a gente nesses tempos tão difíceis. Todo dia ele grita. Dá tchau. Sempre muito alegre. A gente buzina”, afirma Adailton.


Criança escreve carta para coletores de lixo de Goianira — Foto: Arquivo Pessoal/Pablina Soares

Com informações: G1

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS