O coronavírus causou sérios estragos em todo o mundo. Esta doença, que infectou milhões e matou centenas de milhares de pessoas, paralisou o planeta inteiro. E enquanto muitas pessoas foram capazes de se adaptar às novas medidas de distanciamento social e quarentena necessárias para impedir o COVID-19 de avançar, há outras que simplesmente não conseguem seguir as ordens e não respeitam nada e ninguém.

Exemplos, existem vários. De pessoas que se reúnem em igrejas para depois se tornarem centros de infecção a praias cheias de pessoas que deveriam ser trancadas em casa, há quem prefira arriscar a si e aos outros em vez de seguir instruções simples.


David Rosenblum / Getty Images

Com milhões de vidas em jogo, é difícil entender o raciocínio dessas pessoas, especialmente quando há animais que parecem ser mais conscientes e obedientes do que muitos seres humanos.

Um exemplo disso é esse grupo de macacos adoráveis ​​que praticavam distanciamento social enquanto eram alimentados por um bom samaritano na Índia.
Macacos foram fotografados alinhados em fileiras uniformemente distribuídas enquanto almoçavam em Arunachal Pradesh, na Índia.


xxx

O ministro local da Juventude e Esportes da Índia, o parlamentar local Kiren Rijiju, twittou uma foto dos macacos cumpridores da lei esperando para pegar uma fatia de melancia, informou o Daily Mail.

‘Um #SocialDistancing perfeito visto perto de Bhalukpong em Arunachal Pradesh ao longo da fronteira Assam-Arunachal. Se olharmos de perto, os animais podem nos ensinar muitas lições vitais que poderíamos ter perdido na correria de nossas vidas diárias normais ”, escreveu Rijiu.


Getty

Mas enquanto esses macacos provaram ser um exemplo verdadeiro, isso não significa que todos esses primatas são igualmente educados.

Na semana passada, um profissional de saúde indiano foi assediado por macacos que roubavam amostras de sangue de coronavírus, alimentando o medo de que os macacos roubados pudessem espalhar a pandemia na área local.

Depois de sair com as três amostras no início desta semana em Meerut, perto da capital Nova Délhi, os macacos correram pelas árvores próximas e um deles tentou mastigar o saque.

As caixas de amostras foram recuperadas e não foram danificadas, disse à AFP o superintendente da escola de medicina de Meerut , Dheeraj Raj, na sexta-feira, depois que imagens do encontro se tornaram virais nas mídias sociais.

Embora nem todos os macacos estejam se comportando igualmente bem, pelo menos esse grupo é a prova de que não é difícil seguir as regras do distanciamento social. Se um macaco pode fazer isso, por que uma pessoa não pode?

Texto originalmente publicado no UPSOCL, livremente traduzido e adaptado pela equipe da Revista Saber Viver Mais

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS