O Ford Endeavour de 31 anos de Shahnawaz Shaikh era o seu bem mais precioso. Quando comprado em 2011, o morador de Malad, na Índia, gastou mais com uma placa premium – 007 – e um sistema de música personalizado.

Esta caminhonete era o orgulho de Shahnawaz, a luz em seus olhos. Mas assim que soube que havia pessoas que precisavam de ajuda no meio da pandemia de coronavírus, o homem não hesitou em deixá-la ir para que pudesse ajudar os mais afetados pela doença.

Em 28 de maio, a irmã de seu parceiro de negócios, que estava grávida de seis meses, morreu de Covid-19 fora de um hospital, depois de ter sido rejeitada por outras cinco instituições médicas.

Ao saber que sua vida poderia ter sido salva se ela tivesse recebido oxigênio a tempo, Shaikh decidiu vender seu SUV, usar o dinheiro para comprar cilindros de oxigênio e entregá-lo gratuitamente a outros necessitados.

Desde que começou a distribuí-los em 5 de junho, ele forneceu cilindros de oxigênio para mais de 250 famílias de pacientes Covid-19.

“[O marido da mulher] a levou a cinco hospitais, mas nenhum estava disposto a admiti-la. Alguns disseram que não tinham leitos vazios para pessoas com sintomas do Covid-19. Outros não tinham aparelhos de oxigënio “, disse ele .

Shahnawaz afirmou que, quando relatou o incidente a alguns de seus amigos médicos, disseram-lhe que ela poderia ter sido salvo se recebesse oxigênio a tempo. Isso, ele disse, o fez resolver encontrar uma maneira de ajudar pessoas em situações semelhantes.

Ele começou a pesquisar e logo percebeu que havia uma escassez de cilindros de oxigênio no mercado. Ele disse: “Um amigo meu me ajudou a entrar em contato diretamente com um fabricante. Eles ficaram empolgados quando eu lhes disse que queria comprar cilindros e entregá-los gratuitamente. Eles foram muito úteis depois disso”.

Para arrecadar dinheiro para os cilindros, Shaikh decidiu vender seu amado SUV. Depois que ele os adquiriu, ele e seus amigos espalharam a notícia, junto com o número de telefone, nas mídias sociais.

“Há apenas duas coisas simples que pedimos ,  para dizerem que precisam de cilindros de oxigênio: um, uma recomendação do médico e dois, para buscá-lo”, disse ele .

Em casos raros, como quando a família inteira está em quarentena, uma equipe de voluntários em equipamentos de proteção viaja pela cidade em cilindros de oxigênio.

Além do oxigênio vital, esse jovem também oferece aos pacientes um curso intensivo em seu uso, que ele compilou com a ajuda do Dr. Sabauddin Shaikh, do Hospital Care. “Ele nos ajudou a fazer um vídeo para demonstrar o uso dos cilindros. Também forneceu outro suporte quando necessário. “

Além disso, Shaikh também aconselha cada família a consultar um médico sobre a pressão de oxigênio exigida pelo paciente. “ Não pretendo oferecer uma alternativa à hospitalização. Tudo o que podemos ajudar é fornecer suporte de vida às pessoas com dificuldades respiratórias “, disse ele ao Mumbai Mirror.

Quando perguntado se doía vender seu SUV, a resposta de Shaikh foi um retumbante, sincero e simples “não”.

“Não é difícil desistir de um carro para salvar a vida de alguém.” Mesmo que eu seja abençoado por uma única família grata por esse fato, poderei comprar quatro desses carros algum dia “, concluiu.

Texto originalmente publicado no UPSOCL, livremente traduzido e adaptado pela equipe da Revista Saber Viver Mais

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS