Por: Revista Saber Viver Mais

Isadora Stefanhak Costa Arantes, 17 anos, é moradora de Eldorado do Sul em Porto Alegre, foi aprovada em um curso promovido pela Nasa, nos Estados Unidos. A estudante já é dona de um currículo invejável, com muitos prêmios, medalhas, homenagens e cartas de recomendação.

O curso

Advanced Space Academy, é o nome do programa de treinamento que a estudante brasileira realizará nos Estados Unidos. Isadora pretende ser astrofísica e as aulas serão o primeiro passo para astronomia e engenharia espacial.

“O curso tem várias atividades. Se aprende a montar Rovers, aquele robôs que andam em Marte ou na Lua. Satélites também, principalmente aqueles com nanotecnologia, super pequenininhos, e simuladores de microgravidade. É um curso pra jovens de até 18 anos”, conta.

A estudante conta que fez a inscrição pelo site da Nasa. “A inscrição pra esse processo seletivo eu fiz pelo site da Nasa, tinha uma série de coisas que eu precisava preencher para eles me avaliarem. Entre elas, pediam pelo menos duas cartas de recomendação, eu coloquei dez”.

Pandemia

Devido a pandemia o curso foi adiado para 2021. Anteriormente iria ser realizado em julho deste ano. Nada que desanime Isadora que está super animada. Os encontros se darão no estado do Alabama.

Inicio

“Eu comecei a me interessar por astronomia aos 12 anos. Com 13 eu já estava certa que queria algo relacionado a física, astronomia e engenharia aeroespacial. Pra mim, não tem coisa mais sensacional do que você juntar as teorias da física com astronomia, que é o estudo do universo”.


Primeiros foguetes construídos pela equipe de Isadora — Foto: Arquivo Pessoal

A estudante sempre foi muito curiosa, e sempre procurou saber da existência das coisas. Dona de vários prêmios, ela considera um dos mais importantes a medalha de ouro na olimpíada nacional de astronomia.

“Eu tenho planejamento de vida que quero estudar astrofísica e biologia. Eu quero focar na astrobiologia também, ela estuda a origem da vida no universo e se existe vida além da gente. Eu acho isso fantástico”, explica.

Sempre incentivada pelos pais, a estudante ganhou um telecópio para que pudesse explorar ainda mais sua paixão. “A gente incentiva o estudo, o conhecimento. Ela é muito especial. O que escolher, vou apoiar. Ela sai do lugar comum, é um orgulho”, comemora a mãe Giselda Stefanhak.


Isadora Stefanhak Costa Arantes ganhou telescópio dos pais — Foto: Arquivo Pessoal

Com Informações:G1

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS