Uma mãe dedicada está enfrentando a prisão após cavar sozinha um túnel para libertar seu filho, que cumpre pena de prisão perpétua na prisão ucraniana por assassinato.

A mulher não identificada de 51 anos começou seu grande plano mestre alugando uma casa localizada perto da prisão em Zaporizhia , no sudeste da Ucrânia .

Usando pás e picaretas, a mãe , em seguida, conseguiu cavar um túnel, trabalhando apenas à noite, para não atrair atenção para o que ela estava fazendo.

No final, ela conseguiu cavar um túnel de 10 pés de profundidade , que começou em um campo perto da prisão de seu filho e depois correu 35 pés abaixo das paredes do prédio.

A mulher ficava dentro da casa alugada durante o dia para que moradores não desconfiarem da sua movimentação, mas no momento em que a noite cai, ela chega na escavação e começa a cavar,  usando um pequeno carro dentro do túnel para recolher os detritos.

Um policial disse: “ Ela tinha uma espécie de carrinho, um pedaço de compensado com rodinhas, para tirar a sujeira. “

Depois de cavar, a mulher jogava a terra em uma garagem abandonada , não muito longe de seu local de escavação – a mulher retirou cerca de três toneladas de terra quando foi pega.

Ela foi de alguma forma capaz de manter isso por três semanas até que ela finalmente foi encontrada e presa. Quando a polícia revistou sua casa alugada, eles encontraram ferramentas manuais para cavar.

A estação de TV ucraniana TSN disse que um lojista local não reconheceu a mulher quando mostrou uma foto dela.

Muitos residentes realmente se sentem um pouco impressionados com a dedicação da mãe e a difícil operação , com alguém chamado SerheyPilnyanskydizendo ao TSN:“Esta mãe se preparou completamente. Talvez ela seja filha de um mineiro”.

“Cavar três metros de profundidade já seria difícil. Ela não tinha escavadeira nem nada parecido. “

Outra local chamada Anastasia Pylyavska acrescentou: “É assim que uma mãe é!”

Embora o nome de seu filho não tenha sido divulgado, relatos dizem que ele é de Mykolaiv, a cinco horas horas da prisão.

Texto originalmente publicado no Ladbible, livremente traduzido e adaptado pela equipe da Revista Saber Viver Mais

 

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS