A inocência das crianças é coisa ímpar! Elas sempre querem o bem para todos, especialmente para aqueles que as protegem e lhes dão amor. É por isso que elas sempre estarão dispostas a ajudar desinteressadamente em tudo que considerarem necessário, desde que o ambiente seja feliz.

Pelos menos é assim que pensa um menino de 8 anos da cidade de Tepic, no México, que com toda criatividade conseguiu ajudar a mãe.

A ideia

A mãe do menino instalou há poucos dias um negócio na área e ele pensou em ajudá-la imediatamente, sem ninguém perguntar … porque ele gosta de vê-la realizar seus sonhos.

Logo ele tratou de arrumar papelão e lápis, e começou a escrever à mão cartões de visita, para que os vizinhos soubessem e as pessoas que viajam para a cidade, soubessem o que mãe tinha um negócio na região, o que estava vendendo e como contatá-los para fazer entregas a domicílio.

O gesto do menino estava passando despercebido, até que uma mulher identificada como Ana Gabriela, percebeu que o menino estava fazendo de tudo para ajudar a mãe.

Ela então tirou uma foto do cartão e compartilhou em redes sociais para que outras pessoas soubessem do seu gesto nobre e incentivou os locais a visitar o negócio da família.

A história

Ana, contou que estava passando perto do negócio, quando o menino animado aproximou-se, logo ela pensou que ele iria pedir-lhe uma moeda ou algo assim, mas depois ele entregou um pedaço de papelão e disse que sua mãe havia montado uma lanchonete “no caminho de volta”.

Ela pegou o cartão mais não prestou muita atenção, até que dentro do táxi que viajava, verificou que se tratava de um cartão para espalhar o negócio. Na frente se lia claramente: “Cafés da manhã: bolos, burritos, salgados, quesadillas, refrigerantes, sucos, choco mil, água fresca”, tudo isso em esferográfica azul. E no final ele dizia:”E muito mais”, em tinta vermelha.

Na parte de trás, estava o número do contato.

A mãe do menino deve estar muito orgulhosa dele. A inocência do pequenino e o imenso amor por ela, despertaram toda a sua criatividade nesta ação tão nobre e admirada por todos. Bravo para esta família, sem dúvida, as vendas vão subir a partir desse gesto de amor!

Texto originalmente publicado no UPSOCL, livremente traduzido e adaptado pela equipe da Revista Saber Viver Mais

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS