Seria bom se todos nós fossemos como uma criança, com certeza o mundo seria melhor e mais justo, e os problemas seriam resolvidos facilmente.

Giovanni, um menino de apenas cinco anos, viralizou na internet por seu desapego e  gratidão, o responsável pela publicação, foi o médico oncologista, Dr. Pietro Caldarella, que fez o tratamento da mãe do pequeno Giovanni.

A mãe do menino passou por uma cirurgia e sessões de quimioterapia, e enfim ficou curada, o menino para demonstrar toda a sua gratidão ao Dr. Pietro, escreveu um bilhetinho com algumas moedas que eram todas as economias que tinha.

Na verdade a quantia do envelope não chegavam a um euro, mas o sentimento de gratidão e desapego, é o que realmente enche o nosso coração de amor e emoção ao saber dessa história.

No bilhetinho estava escrito: “Use-o para as pesquisas”, um gesto tão grande de uma criança tão pequena não é?

O post do médico já tem mais de 6 mil curtidas. Confira abaixo ou clique aqui para acessar pelo Facebook:

Stamattina il figlio di una mia paziente di 5 anni mi ha dato questo biglietto per ringraziarmi delle cure alla sua…

Posted by Pietro Caldarella on Tuesday, March 27, 2018

“Hoje de manhã o filho de uma paciente minha de 5 anos me deu este bilhete para me agradecer pelos cuidados à mãe dele, e lá dentro estavam as suas economias, que ele quis me dar para pesquisa sobre o câncer… Tive vontade de chorar!!”

Dr. Pierto disse que com mais de 20 anos de profissão,  está acostumado a ver histórias tristes, mas o gesto do pequeno Giovanni foi muito especial para ele: “Sou médico há 20 anos, tenho visto muitas histórias tristes, mas este gesto me emocionou”, reafirmou o oncologista. “No final, é o valor simbólico do gesto. É uma pequena mudança, mas a beleza é ver estas crianças no nosso futuro, feito de gestos simples”.

* Nota: As informações e sugestões contidas neste artigo têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Informações:Catraca Livre

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS