A glicose funciona como combustível em nosso corpo, ela vai fornecer ao organismo a energia necessária para seu funcionamento, a responsável pelo transporte desse combustível é a insulina.

A substância é produzida pelo pâncreas, então quando alguém tem diabetes significa que o corpo não produz insulina suficiente e a glicose está se acumulando nos vasos sanguíneos.

Em razão disso as pessoas que tem diabetes devem seguir o tratamento corretamente, com uma dieta balanceada, medicamentos e exercícios físicos, mas existe um fator que muitos portadores da doença acabam negligenciando, que é o medidor de glicose.

É preciso compreender que um medidor de glicose vai conseguir monitorar diariamente a glicose, sendo assim uma ótima informação para o tratamento, podendo saber o medicamento adequado e também como uma forma de controle da glicemia.

É certo dizer que de certa forma as empresas farmacêuticas estão investindo cada vez mais em uma forma de melhoria desse aparelho tão importante para a vida do diabético, por esse motivo já existem vários modelos de medidores de glicose que não precisam furar o dedo.

Mas quais são as vantagnes de um medidor de glicose que não precisa furar o dedo?

O medidor de glicose mais comum que conhecemos é aquele que dá uma pequena picada com agulha em seu dedo para fazer o teste diretamente com o sangue, porém graças a tecnologia atual já estão chegando ao mercado alguns medidores de glicose que não se faz necessário furar o dedo.

Esses novos aparelhos são tão bons quanto seus antecessores e o principal é que não causam o terrível desconforto com a picada – algo que era o motivo mais comum para muitos diabéticos não realizem o exame regularmente, dando segurança e todas as informações precisas para o tratamento.

Também podemos falar que esse medidor de glicose que não precisa furar o dedo é uma vantagem principal para aqueles que possuem diabetes tipo 1, já que eles precisam tomar uma média de 6 dosagens diárias de insulina, outra vantagem é para quem pratica exercícios físicos, pois assim vai conseguir ajustar os carboidratos para alimentação em geral.

Como podemos ver esse tipo de aparelho medidor de glicose que não precisa furar dedo é bem mais fácil de ser utilizado e também uma boa vantagem, já que além de não precisar espetar o dedo diariamente ainda vai proporcionar todas as informações necessárias para que o usuário viva uma vida saudável e que o tratamento ocorra bem.

Como ele funciona?

Para quem está curioso, devemos dizer que vai ser um forma muito simples, porém vale dizer que ele é um sensor que fica fixado em sua pele, ele tem um tamanho de uma moeda de R$ 1,00 e pode durar até 14 (catorze) dias, após isso deve ser substituído.

Esse medidor de glicose que não precisa furar o dedo você tem que aplicar sozinho um filamento de 5mm de profundidade na região do braço, é claro que no momento da aplicação o desconforto será semelhante ao furo do dedo, porém é somente neste momento.

Então quando for fazer a leitura da glicose basta aproximar o aparelho no sensor, que o próprio aparelho vai captar as ondas eletromagnéticas e então informar os níveis de açúcar.

Um aviso importante, é que não se pode deixar o sensor imerso na água por mais de 30 (trinta) munutos, tomando cuidado com batidas e objetos ou superfícies muito quentes, o sensor bem cuidado pode durar até 14 dias.

É claro hoje em dia existem novos  dispositivos para controle de glicemia, por exemplo, um aparelho lançado pela empresa GlySens tem a promessa de durar por um ano!

Esse dispositivo é um disco de 4 centímetros de diâmetro e 1,5 espessura que é colocado embaixo da pele. É feito um pequeno corte para ser posto o sensor, após isso pode utilizar o dispositivo normalmente. Sendo muito mais vantajoso para aqueles que praticam esportes mais radicais, gostam de nadar ou até mesmo evita danos com pequenos impactos.

Ainda não sabemos quando virá para o Brasil, porém já podemos afirmar que o medidor de glicose que não precisa furar o dedo que dura até 14 dias já está à venda.

Informações: Diabetes Mellitus

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS