Por: Saber Viver Mais

O vídeo de uma suposta brincadeira da empresária Júlia Claudenari, de Londrina, no Paraná, gerou revolta nas redes sociais e chamou a atenção, de Luisa Mell que é ativista pelos direitos dos animas.

No citado vídeo é possível ver a empresária realizando com os cãezinhos o ‘desafio da farinha’, viral na internet durante a quarentena.

Luisa Mell conta que recebeu inúmeras mensagens denunciando a empresária, ela então entrou em contato com o delegado responsável, já que não é possível que ela faça a denúncia presencial, por conta da pandemia de Coovid-19.

Desafio da farinha

Na brincadeira do desafio da farinha, uma pessoa faz perguntas, e dependendo da resposta, leva o rosto de um dos participantes à farinha de trigo. No vídeo é possível ver que os cães estão assustados com a atitude da dona, sem entender nada.

Em suas redes sociais Luisa Mell declarou que já foi feito uma diligência policial, porém Júlia não foi encontrada. A ativista faz um alerta de que isso não é uma simples brincadeira!

“Esse desafio é extremamente perigoso! Animais podem ter asfixia e pneumonia aspirativa. E podem chegar a óbito”, Luisa Mell

Perigos da brincadeira

O desafio não é perigoso somente para os animais, mas para os humanos também. Apesar de parecer inofensiva, ela pode causar o surgimento de doenças respiratórias ou até o agravamento, porque existe possibilidade de se aspirar partículas de farinha.

“Ao contrário do que parece, também não é uma brincadeira inocente para humanos: ‘Certamente é ruim. Se a pessoa ainda tomar um susto e inspirar profundamente, pode aspirar farinha para os pulmões. O que pode gerar simples irritações e tosse, mas também, dependendo da quantidade e da sensibilidade da pessoa, pode causar broncoespasmo (como em uma crise de asma). Sem contar que podem haver bactérias e fungos na farinha que, se forem para nos pulmões, podem causar infecções’, palavras do pneumologista que cuidou do meu marido! Ou seja, ninguém mais deve postar tal barbaridade. O que coloca saúde em risco não deve ser estimulado”.

E empresária já deletou a publicação de suas redes sociais, porém o vídeo já foi amplamente divulgado e copiado por outras páginas. Até o momento Júlia não se pronunciou.  A defesa da empresária meio de nota, que vai se manifestar nesta terça-feira (12), e prestar esclarecimentos.

A empresária promete também tomar medidas judiciais contra as mensagens de ódio que está recebendo por meio das redes sociais.

Com informações:Hypeness

RECOMENDAMOS