Acne, popularmente conhecida como “espinha”, é uma inflamação do folículo pilossebáceo. É através deste folículo que o sebo faz seu percurso das glândulas sebáceas (onde é produzido) até a pele.

Quando isso ocorre, há o surgimento de uma colonização de bactérias que resulta em uma inflamação. Dependendo da gravidade, ela causa sofrimento emocional e levar a cicatrizes na pele.

As espinhas são mais comuns em adolescentes, porém também são vistas em adultos, principalmente nas mulheres.

A medicina moderna trata o problema com produtos químicos e ácidos, já na medicina chinesa e médicos homeopatas, analisam a acne de um ponto de vista diferente.

Segundo eles, a localização da espinha está relacionada a algum outro problema de saúde.

Confira: 

1 – Queixo e pescoço

Acne nessa região, acredita-se que os hormônios são os maiores culpados. Problemas com a glândula suprarrenal, consumo de açúcar em excesso e estresse também fazem com que espinhas cresçam no queixo e no pescoço.

2 – Ombros

Espinhas nessa região, significa estresse. Para diminuir o estresse, o ideal é investir em exercícios como caminhada ou ioga. Ler um bom livro, assistir um bom filme acompanhando de um bom vinho tinto. Seu ombro vai agradecer!

3 – Peito

Acne no peito é um sinal de que algo anda errado no sistema digestivo. Isso pode estar ocorrendo por se alimentar demais com fast food ou pode estar na hora de procurar um médico para saber se você tem intolerância alimentar.

Qualquer irritação no seu sistema de digestão pode levar a indesejáveis acnes, mas você pode controlar isso ao escolher o que ingerir.

4 – Braços

Espinhas nos braços podem dizem que você não está recebendo as vitaminas e nutrientes de que precisa. Para ajudar a controlar, aposte em frutas, legumes e cereais integrais em sua dieta.

5 – Estômago

Acne na região estomacal, pode indicar muitas vezes açucar no sangue. A melhor forma de combater este tipo de acne é melhorando a sua dieta. Isso significa eliminar ou reduzir pão branco e açúcar.

6 – Região pubiana

Se você fica muito tempo com roupas de ginástica suadas ou não troca suas cuecas com frequência, sua região pubiana pode apresentar algumas espinhas. Para evitar, basta adotar bons hábitos de higiene e vestir roupa limpa.

Caso a região apresente inchaço, vermelhidão ou feridas, você deve procurar a um médico o mais rápido possível, pois pode ser sinal de uma doença sexualmente transmissível.

7 – Coxas

Espinha na parte superior das pernas é um sinal de alergia a algum produto; como sabão em pó ou algum creme para depilação.

8 – Costas

Tanto a parte superior como a parte inferior das costas tendem a ser pontos comuns de acne. Muitas vezes elas revelam problemas com o sistema digestivo.

9 – Nádegas

Espinha nas nádegas é causada por má alimentação. Para reverter este quadro, invista em alimentos integrais e naturais.

* Nota: As informações e sugestões contidas neste artigo têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Informações: Jornal Ciência

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS