Se a água é o elemento fundamental da vida no nosso planeta, a ausência dela muito rapidamente pode significar a morte. Atualmente cerca de 1,1 bilhão de pessoas no mundo não possuem acesso fácil à água potável – e não por acaso milhões de pessoas morrem anualmente por infecções decorrentes de bactérias e protozoários presentes em fontes de água não tratadas.

Uma importante ferramenta, porém, foi desenvolvida para ajudar a contornar essa realidade insuportável mas recorrente em países pobres (ou mesmo em áreas mais pobres de países desenvolvidos como o próprio Brasil): o LifeStraw.

A invenção permite que pessoas com dificuldade de acesso à água potável possam ir até a fonte mais próxima e beber diretamente de lá sem arriscar-se contrair qualquer infecção, uma vez que o dispositivo elimina todas as bactérias consideradas nocivas ao organismo.

O dispositivo possui um custo baixo e uma durabilidade especial, capaz de filtrar até 5400 litros de água sem prejuízos. Em um cálculo rápido, um canudo somente é capaz de manter uma família de 4 pessoas devidamente hidratada por cerca de cinco meses.

Mas além de ser vital para famílias carentes, o LifeStraw também é uma excelente opção para viajantes que muitas vezes carecem de água potável em meio às áreas em que se aventuram.

Além do LifeStraw, a empresa responsável pelo desenvolvimento também possui uma linha de garrafas térmicas e jarros de tratamento – e doa parte de seu lucro para crianças carentes por todo o mundo.

Com informações:Hypeness

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS