Uma bebê que nasceu em Ohio se tornou a primeira nos Estados Unidos a nascer de um útero transplantado de uma doadora que já havia morrido. A pequena nasceu no Cleveland Clinic e é filha de uma mulher de 30 anos.

O nascimento da pequena faz parte de um estudo que envolveu 10 mulheres que nasceram sem o útero. “O transplante de útero é um procedimento complexo que requer supressão do sistema imunológico. Com esta pesquisa no futuro vamos conseguir tornar estes eventos extraordinários, algo ordinário para mulheres que precisam deste tratamento para engravidar. Nós somos gratos a doadora. A generosidade dela permitiu que nossa paciente realizasse o sonho de ter um filho”, afirmou o cirurgião que participou do transplante Andreas Tzakis em entrevista ao canal norte-americano NBC News.

A pequena nasceu no dia 9 de julho e é muito saudável! Outras duas mulheres que participaram da pesquisa também já fizeram o transplante de útero e estão aguardando a transferência de embriões.

Apesar de ser o primeiro caso de nascimento de útero transplantando de uma doadora já falecida nos Estados Unidos, o Brasil foi o primeiro país a fazer este método inovador.

O primeiro bebê do mundo a nascer do útero de uma doadora já falecida veio ao mundo no Hospital das Clínicas da USP em São Paulo em dezembro de 2017!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS